Quinta-feira, 30 de Outubro de 2008

Mudar!!!

Depois do intervalo grande cá estou para os que me amam e para os que me odeiam. Alguém dizia que “… viver não custa, custa é saber viver…”, e é esse mesmo, o meu queixume, no conciliar, no obrigatório, na preguiça, e noutras coisas mais, lá sigo!

Aceito com muito prazer o desafio difundido pela minha princesa Sara e da princesa Lara para escarafunchar e gritar com toda a pujança dos meus pulmões aquelas coisinhas irritantes da minha vida que se deveriam transformar e assim supostamente passar melhor! Vamos cá á introspecção:

O Comboio é o meu meio de transporte, só meu e dos outros milhões de utentes. Gostava que o comboio da linha de Cascais tivesse uma mesanine, assim tipo para o acolchoado para que todos os que como eu, quando chagamos nunca temos um lugarzinho sentado, podermos alcançar o destino das nossas viagens deitadinhos, mais descansados, relaxados, ou não!

O Banho de manhã é das coisas mais insuportáveis para mim, gostava de acordar já lavadinho e cheirosinho e com o hálito fresco de montanha que nem aquelas publicidades de pastas de dentes da TV. Não se entenda, que não gosto de tomar banho, porque gosto, adoro tornar a minha minúscula casa de banho numa exótica cachoeira brasileira. Mas de manhã não, aliás tudo é um pesadelo de manhã…., ou não!

O Rufus é o meu companheiro desde há 4 anos, vivemos que nem duas almas gémeas, confesso que é amor, que ambos sentimos um pelo outro. Vivemos os dois no pequeno T1 da Cruz Quebrada, cruzamos vivências, amores, ideologias e mesmo assim também o transformava, gostava que o rumrum miau para aqui e o rumrum miau para ali, fosse em linguagem humana, que lindo o “Rufus meu filho” a falar como eu, passaria a ouvi-lo”… despacha-te pá tenho fome…” ou “…não quero biscoitos Jumbo quero wiskas…” ou então “… a personagem que está na tua cama não é a mesma de ontem…”, era mesmo bom, ou não!

Conclusão: penso que estou muito bem como estou, porque metamorfoses nunca deixarão de acontecer. E dessas não há fuga.


publicado por tufo às 14:21
link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Larissa a 30 de Outubro de 2008 às 15:55
Muito Bom! A mesanine é uma belíssima ideia... e que tal um chofer? Isso é que era! Mas acordar já no trabalho, sem passar pelo transito e com banhinho tomado e cheiroso... brilhante.
LOL :)~


De Larissa a 3 de Novembro de 2008 às 22:40
Eu sou daquelas que te amam também, mas não te vejo há 15 dias. Já morro de saudades.
:)


De Mónica a 5 de Novembro de 2008 às 15:47
Também te amo, sempre te amei, tenho a certeza que te vou amar sempre, apesar das inconstantes das nossas vidas ;) A mesanine é uma ideia fabulástica, não só para o teu meio de transporte, para todos eheh A solução para as manhãs era termos incorporado um termo de café que nos fosse dando doses generosas para nos conseguirmos arrastar nos nossos dias. E... desculpa, mas é mais forte do que eu: vivam as metamorfoses! Beijos


De PL a 18 de Dezembro de 2008 às 19:17
Mto bem,... continua assim... Abraços dos n/


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Taste Is

. Momentos!

. Orgulho

. Frio....muito frio!

. Super-Herois e Agentes Se...

. "... Céu geralmente muito...

. Mudar!!!

. Que chitex!

. Tou c'os nervos...!

. Katy Perry - I Kissed A G...

.arquivos

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Março 2008

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds